Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sem título

por I myself, em 28.04.13

        Ontem, numa ida ao Forum, encontrei uma amiga que já há muito não via. Foi minha companheira de quarto quando nasceu o Tiago, há quase 16 anos, e houve entre nós uma empatia que para além de falarmos bastante chegámos mesmo a frequentar ambas as casas.

        Ela teve mais uma menina, eu os dois mais novos e a vida fez com que começassemos a falar cada vez menos. Desenganem-se, quem tem filhos pequeninos, que quando forem maiores os miúdos dão menos trabalho. Pelo contrário, é a escola, o apoio em casa, as atividades extra, enfim, o trabalho é sempre a aumentar. 

        Tudo isto para justificar que fomos falando cada vez menos, aliás, ontem chegámos à conclusão que já não nos falávamos há mais de três anos.

        Ontem encontrámo-nos e eu gelei. Está com cancro há um ano. Um cancro mau, muito mau. Abraçamo-nos, chorámos, conversamos e foi difícil ouvir dela a história deste último ano. "- Sabes, não tenho medo de morrer, tenho medo de sofrer."

        Eu dei-lhe força mas hoje estou de rastos. Como é possível? A A. sempre tão cuidadosa, não bebia, não fumava, sempre saudável e sem sentir nada, repito NADA, numa simples consulta de rotina mudou tudo. Rezo por ela, pelo espetacular marido que tem, pelos dois filhos e pela saúde dela.

        A vida é do caraças.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 12:38


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.04.2013 às 19:12

Estou toda arrepiada. Não podemos mesmo tomar nada como garantido, a vida muda a qualquer instante. Não posso dizer que pense nesta maldita doença todos os dias, porque senão nem vivia, mas quando sei de casos, fico com o coração do tamanho de uma ervilha. Não é justo. Mas a minha avó teve cancro do mais mau que pode existir e anda aí. Vamos manter a esperança até ao fim.
Hoje rezo também pela tua amiga, marido e filhos.
Não consigo sequer imaginar como ficaste... depois falamos.
Beijinhos
Imagem de perfil

De Ocupadíssima a 29.04.2013 às 19:31

Valorizemos a vida :)
Beijinho
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.04.2013 às 23:54

:(
Imagem de perfil

De C. a 30.04.2013 às 22:18

Doi só de ler...imaginar doi mais ainda. E não tenho mais palavras... :(.
Que tudo corra pelo melhor.
Abraço

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D


Links

Blogs que gosto de espreitar: